Fim da BrasNet

Quando comentaram comigo “A BrasNet fechou” eu pensei, “Bom, estava demorando para o inevitável acontecer”. Quase todo mundo usa MSN e Google Talk hoje em dia. Dentre as pessoas mais novas, quase nenhuma sequer conhece o IRC. Eu faço doutorado em computação e mesmo assim poucos dos meus colegas de laboratório (muitos deles da minha idade, diga-se de passagem) nem mais sabem o que é isso. E mesmo entre os que sabem, alguns não farão idéia do que eu estou falando a menos que eu chame IRC de “mirc“.

O fato é que, ao ler o relato do mantenedor da Brasnet sobre seu fechameto, me bateu uma grande nostalgia.

Eu também usei gopher, usei o Veronica, quando na época não existia mais nada similar. Adorava fazer consultas sobre células de combustível. Ainda me lembro do meu meu primeiro contato com o IRC, que também foi pela jacaré BBS, através de um terminal ligado à RNP no CEFET-CE, em meados de 1995. No dia, a conversa que rolava no #brasil era sobre a arte de enrolar um baseado — na época, eu mal tinha 14 anos. Eu estava lá quando os canais de estados brasileiros começaram a pipocar na EFNET, estava lá quando do surgimento da BrasNET e da BrasIRC. Conheci muitos amigos meus por lá e muitos dos que hoje são meus amigos são conhecidos de amigos meus do IRC.

Uma lástima a BrasNet fechar. Como diria Regina, com ela vão memórias de “um tempo que não volta nunca mais”.

One Response to “Fim da BrasNet”

  1. FirstEvie says:

    I see you don’t monetize your blog, don’t waste your traffic, you can earn extra bucks every month because you’ve
    got hi quality content. If you want to know how to make extra bucks, search for: Boorfe’s tips best adsense alternative

Leave a Reply